O projeto RURAL BIOENERGY procura contribuir para o constante desenvolvimento profissional de formadores, professores e tutores de formação profissional, em novas qualificações profissionais em bioenergia e bioeconomia, devido à necessidade de satisfazer as saídas profissionais que estão a surgir e que aparecerão, no futuro, nas zonas rurais europeias.

Existe uma necessidade importante destas novas qualificações profissionais devido à utilização de políticas e estratégias europeias sobre economia, ambiente, alterações climáticas, energia e desenvolvimento rural (Estratégia Europa 2020, Política Agrícola Comum, os Conselhos para as energias renováveis, a marca estratégica sobre o clima e a energia para o período 2030, a reindustrialização da UE de uma economia rural e uma economia circular baseada no modo rural, o roteiro da energia para 2050, etc..)

De acordo com os objetivos gerais da Estratégia Europa 2020 e a Política Comum Agrária, podem ser identificados três objetivos estratégicos de longo prazo no quadro das políticas de desenvolvimento rural da UE: 1) Melhoria da competitividade da agricultura. 2) Gestão sustentável dos recursos naturais e da ação climática. 3) Desenvolvimento regional equilibrado das zonas rurais.

Existe uma lacuna na formação neste campo e nos anos futuros será necessário formação quando o desenvolvimento da bioenergia for intensificado nas áreas rurais. Atualmente, algumas qualificações profissionais cobrem certas necessidades relacionadas à energia no setor de processamento de alimentos, no entanto, é necessário desenvolver qualificações profissionais específicas que integrem diferentes aspetos como estamos diante de uma convergência de diferentes setores e áreas do conhecimento.

Por conseguinte, é necessário desenvolver competências e aptidões profissionais básicas para a gestão da bioenergia nas zonas rurais, atendendo a que esta qualificação específica de FP não existe atualmente, pelo que a principal abordagem deste projeto será o desenvolvimento da competência transversal para especialistas em bioenergia e na produção de recursos e instrumentos práticos educacionais para formadores / professores / tutores e alunos, com os quais este projeto também tenta melhorar o acesso à formação e as qualificações para todos.