Os principais destinatários dos resultados finais do projeto serão formadores, professores e tutores de formação profissional, bem como qualquer pessoa interessada nestas novas qualificações profissionais em bioenergia rural, porque o projeto também tenta contribuir para a aprendizagem permanente e formação não formal.

O projeto irá tentar envolver, durante o seu desenvolvimento, o maior número possível de interessados (pelo menos 150 entidades diferentes) que serão representantes dos setores envolvidos diretamente no processo de aprendizagem, formação e emprego, para o que a implicação destes oradores sociais é fundamental para a conceção de um plano de formação profissional. Os grupos prioritários serão:

  • Grupos de ação local e atores do desenvolvimento rural (Leader, Horizonte 2020…) Redes de desenvolvimento rural / Federações e associações de desenvolvimento rural
  • Sindicatos de agricultores e associações de gado e florestas
  • Associações para a avaliação da biomassa
  • Associações de Produtores de energia renovável
  • Empresas de tecnologia da bioenergia e suas associações
  • Associações Ambientais
  • Institutos de mulheres jovens rurais e associações de mulheres
  • Centros de investigação e universidades
  • Entidades de formação profissional não formal e com programas de aprendizagem permanente, especialmente nas zonas rurais
  • Centros de formação profissional formal (agricultura, indústrias agroalimentares e famílias profissionais de energia – água principalmente)
  • Associações de Professores de formação profissional e outros profissionais da educação
  • Outras entidades ligadas aos domínios da agricultura e das energias renováveis, entidades públicas e privadas de emprego a nível local / regional / nacional
  • Associações de empresários.

Além disso, o projeto tentará envolver aqueles que elaboram as políticas, os gestores e as autoridades: autoridades locais e autoridades relacionadas com a educação, agricultura, energias renováveis, ambiente, etc.